Avisos da semana

calendar emojiConsulte aqui os avisos da semana

Programação Pastoral

15 16Programação Pastoral Paroquial - ano Pastoral de 2016-2017

Horários

clock2Horário do atendimento e das celebrações

Padrinhos

Um pouco de história

A instituição dos padrinhos surgiu na Igreja quando se introduziu o costume de baptizar as crianças. Era necessário que alguém, diferente dos pais, e que repre-sentasse tanto a família de quem ia ser baptizado, como a comunidade cristã, se responsabilizasse pelo crescimento na fé da criança baptizada.

Critérios na escolha dos padrinhos

Os pais devem levar muito a sério a escolha de bons padrinhos para os seus filhos, para que os padrinhos não se tornem numa instituição de simples formalismo. Nesta escolha, não se devem guiar apenas por razões de parentesco, amizade ou prestígio pessoal, mas por um desejo sincero de garantir aos filhos que tenham padrinhos capazes de influir, mais tarde, de modo eficaz, na educação cristã do afilhado.

O número dos padrinhos

Cada criança pode ter um só padrinho (homem ou mulher) ou dois (homem e mulher).

Requisitos para se ser padrinho:

1 Ter completado os 16 anos de idade.
2 Ter capacidade para cumprir a missão própria dos padrinhos e o propósito de a realizar.
3 Ser católico e ter recebido os sacramentos da iniciação cristã: Baptismo, 1ª Comunhão e Crisma.
4 Se for casado, que o tenha sido na Igreja, e que não esteja em situação irre-gular, perante a Igreja, no que diz respeito a situações maritais (p. ex. união de facto).

Na impossibilidade de haver pessoas idôneas para desempenhar esta missão, pode-se celebrar o batismo sem padrinhos.